Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.

acesso a redes sociais
  • RSS
  • twitter
tabela de conversão
  • tabela de conversão
Anunciante no Portal Naval
  • anunciar no site
Santa Catarina

Portos de Itajaí e Navegantes registram crescimento de 23% TEUs em setembro

25/10/2021 | 09h05
Portos de Itajaí e Navegantes registram crescimento de 23% TEUs em setembro
Divulgação Divulgação

 

Destaque também no porto público para movimentação de cargas, com crescimento de 5% em setembro

 

O Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes registrou um crescimento de 23% no número total de TEUs durante o mês de setembro. O número registrado corresponde a 151.720 TEUs, que elevou a movimentação anual para 1.239.214 TEUs contra 1.011.239 TEUs acumulados no mesmo período do ano anterior.

Foi registrado aumento 29% em tonelagem no período, quando 1.700.440 toneladas passaram pelos portos da região, elevando o acumulo anual para 14.229.166 toneladas contra 11.020.401 toneladas no período no ano passado.

A APM Terminals e o cais comercial representaram 30% do montante, com 45.431 TEUs, crescimento de 1% na movimentação de contêineres em comparação ao mesmo período do ano anterior.

O Porto de Navegantes encerrou setembro com 70% de aumento — com 106.289 TEUs movimentados no período.

A APM Terminals e o cais comercial também registraram crescimento. Foram mais 5% na movimentação de cargas em toneladas com comparação ao período do ano anterior.

O complexo portuário registrou, ao todo, 91 atracações no decorrer do mês de setembro, 32 das quais na área arrendada (APM Terminals), duas atracações no TUP Braskarne, cinco na Teporti e uma na Poly Terminais. O Porto de Navegantes recebeu 51 escalas, elevando a movimentação acumulada do ano para 455, um crescimento de 14% em relação ao mesmo período do ano anterior.

As principais exportações registradas no Porto de Itajaí, durante o mês de setembro, foram frango (35,0%), madeiras e derivados (88,6%) e carnes (50,7%). As importações mais significativas foram de componentes mecânicos e eletrônicos (31,5%), produtos químicos (45,2%), plásticos e borrachas (68,2%) e alimentos em geral (14,9%).

Fonte: Redação TN Petróleo/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar
separador menu